Planeta Home

Rakuten

sexta-feira, 24 de março de 2017

US News Marvel: Todos os heróis clássicos da Marvel podem voltar em Generations

Já tem algum tempo que a Marvel soltou na internet o emblemático teaser de "Generations", onde podemos acompanhar a atual geração de jovens heróis junto com os personagens clássicos. Hoje, a editora esclareceu um pouco toda essa história, mas ainda tem muita coisa para ser explicada.



Generations começará a ser publicada em julho e vai até setembro. Serão várias histórias diferentes, centradas nos mais diversos heróis da editora, com equipes criativas variadas. Confira:

Homem de Ferro (Tony Stark e Riri Williams) - Escrito por Brian Michael Bendis.
Homem-Aranha (Peter Parker e Miles Morales) - Escrito por Brian Michael Bendis.
Miss Marvel (Carol Danvers e Kamala Khan) - Escrito por G. Willow Wilson.
Thor (Odinson e Jane Foster) - Escrito por Jason Aaron.
Gavião Arqueiro (a) (Clint Barton e Kate Bishop) - Escrito por Kelly Thompson.
Hulk (Bruce Banner e Amadeus Cho) - Escrito por Greg Pak.
Jean Grey (A original e a jovem) - Escrito por Dennis Hopeless.
Wolverine (Logan e a X-23) - Escrito por Tom Taylor.
Capitão Marvel (a) (Mar-Vell e Carol Danvers) - Escrito por Margie Stohl.
Capitão América (Steve Rogers e Sam Wilson) - Escrito por Nick Spencer.

O Editor-Chefe da Marvel, Axel Alonso, contou que a proposta da editora com essas histórias é honrar o legado dos personagens, juntando os clássicos com os novos. A trama faz parte do planejamento da empresa tem alguns anos e levará os personagens para onde eles devem estar no futuro.

As histórias vão ajudar a definir quem são os personagens e qual é o seu lugar dentro do Universo Marvel. A principal dúvida dos leitores, que no caso é como esses encontros serão possíveis, uma vez que personagens como Mar-Vell, Hulk e Wolverine estão mortos, Alonso respondeu que esse mistério "faz parte da diversão".

O editor também deixa claro que não se tratam de histórias sem relevância. Nas palavras dele: "Essas histórias realmente acontecem, elas importam. Não se trata de uma realidade alternativa ou de alguma história sobre viagem no tempo", explicou. "Gostaria de poder explicar o mecanismo usado [para trazer esses personagens de volta], mas isso seria um spoiler", finalizou.

A grande pergunta, de se duas versões dos heróis poderão coexistir ao mesmo tempo no UM, deverá ser respondida em Generations. Entretanto, a resposta pode não ser a mesma para todos.

Alonso contou também que as grandes mudanças que a editora tem provocado nos últimos anos não foram à toa. Ele diz que nunca foi intenção da Marvel tirar os personagens em definitivo das histórias e que essa ausência acaba por despertar um carinho muito maior por parte dos fãs.

Com essa revelação de Generations, a Marvel aparentemente sacramenta que existe espaço para todo mundo. Leitores novatos ou que defendam uma maior diversidade, saem felizes com as publicações atuais se mantendo. Já a galera mais conservadora, poderá acompanhar o retorno dos seus heróis clássicos preferidos.


Fonte: Universo Marvel 616