Planeta Home

Rakuten

domingo, 28 de maio de 2017

Comentário do Planeta Marvel: Demolidor #12 (Editora Panini)

Leia o comentário do Planeta sobre Demolidor #12, formato americano, 124 páginas, lombada quadrada, R$ 19,90, lançado em fevereiro de 2017 pela Editora Panini.


Comentário:
Daredevil #1: O Demolidor está de volta à Nova York e de forma ainda não revelada, somente Foggy Nelson parece conhecer sua identidade secreta, Matt Murdock, que agora está trabalhando como promotor público. Sua mais nova missão é desbaratar a Igreja das Mãos Protetoras do líder religioso Dezdedos. Dessa vez, o Demolidor não está sozinho. Ao seu lado está seu parceiro em treinamento, Sam Chung, o Ponto Cego, imigrante chinês ilegal.

Daredevil #2: Matt Murdock está à ponto de provar que Dezdedos usa sua igreja como fachada para seus negócios ilícitos, mas perde sua única testemunha. Enquanto continua a treinar o jovem Ponto Cego, conta com seu alterego, Samuel Chung infiltrado na Igreja do líder criminoso, embora suas fortes convicções parece colocar sua lealdade em xeque.

Daredevil #3: Dezdedos roubou seus poderes místicos do Tentáculo, e eles apareceram para reclamar seus poderes de volta. Sem outra alternativa, o Demolidor se alia aos servos de Dezdedos para combater o clã de ninjas assassinos. Após o fracasso em apresentar provas que condenassem Dezdedos no tribunal, Matt é afastado para cuidar do setor de Pequenas Causas.

Daredevil #4: Dezdedos confronta o advogado Matt Murdock em seu próprio escritório mostrando a futilidade de tentar acabar com sua igreja. Steve Rogers pede ajuda do Demolidor para desbaratar uma fábrica de explosivos, mas ao invadir o local, o Homem Sem Medo se vê diante de uma situação apavorante. E Samuel procura sua mãe, agora uma das guerreiras de Dezdedos e revela que é o Ponto Cego.

Daredevil #5: O Tentáculo envia um de seus Punhos para matar Dezdedos. Fracassando em confrontar seu oponente, Dezdedos expõem suas fraquezas a seus adeptos e foge. Resta ao Demolidor enfrentar o Punho. Além disso, Ponto Cego é obrigado a enfrentar sua própria mãe para salvar os seguidores de Dezdedos deixados para trás.

Nova fase para o Homem Sem Medo e a introdução de novos personagens coadjuvantes que deram um tom de “volta ao lar”. Uma trama simples, mas eficiente para a introdução de elementos que se desenvolverão a partir desse arco. O escritor Charles Soule, eu também é advogado já teve a oportunidade de escrever a Mulher-Hulk e agora o Demolidor, ambos colegas de profissão, e acredito que deve explorar bem esse lado, assim como ele fez no título da Mulher-Hulk. Leitura recomendada.


Por Roger